“De menor” morre em confronto com a PM

Com apenas 17 anos e acusação de 6 homicídios nas costas, Natanael Serra da Silva,  conhecido como “De Menor” ou “Satanael”, que residia na Rua 5ª dos Machados, bairro da Jordoa, teve a sua precose e ao mesmo tempo intensa vida de crimes, interrompida na noite de quarta-feira (13), após trocar tiros com a polícia, na Portelinha.

Ele foi morto em um bar localizado na área do Alto do Calhau, numa invasão conhecida por Portelinha. Também foram presos na ação policial Luís Carlos Costa Mendes e Igor Vaz Pereira, ambos comparsas de “De Menor”.

Na lista de homicídios de “De menor” está a do policial militar que era lotado no Batalhão Florestal, que ocorreu no início de 2010. O PM foi morto durante um assalto a Van que aconteceu na Avenida dos Africanos quendo  ele retornava para casa.

Segundo a polícia, no mês passado, “De menor” matou dois elementos em uma ocupação localizada na área da Salina do Sacavém. As mortes foram motivadas por acerto de contas, relacionadas ao tráfico de drogas. Contra “De Menor” ainda pesavam outros crimes como assaltos, roubos, furtos e tráfico de drogas.  

A SEIC (Superintendência de Investigações Criminais da Polícia Civil), onde os comparsas de “De Menor” foram apresentados, estava investigando o trio após várias denuncias de assaltos nas áreas do Calhau, Renascença, Vinhais e São Francisco. O último aconteceu na tarde de ontem (13).  

Curta também no Facebook a página do GI Portal, siga-nos no Twitter e envie informações à redação do portal por WhatsApp pelo telefone (98) 9214-2386 ou por email: redacao@gazetadailha.com.br

Deixe seu comentário

Clique Aqui


*